Atendimento Direto

Enquete

Você acha complicado tirar a CNH especial?

Sim
77%
Não
14%
Não preciso
2%

Como tirar a CNH Especial para PCD

Por: Andreia Silveira, colaboradora do site SeguroAuto.org

Tanto para dirigir como usufruir das isenções fiscais para pessoas com deficiência ou mobilidade reduzida ao comprar um veículo novo, é preciso ter CNH especial. Mas como tirar o documento?

Para te ajudar nessa questão, selecionamos aqui algumas dicas. Confira!

Quem deve ter uma CNH especial?

A CNH especial é destinada para aqueles que possuem deficiência ou mobilidade reduzida. Isso inclui também, doenças que afetam suas funções cognitivas e motoras, prejudicando sua capacidade de dirigir.

Faz parte desse grupo, pessoas que sofrem com: escoliose, artrite, artrose, problemas graves na coluna e esclerose múltipla. Outras incluem: nanismo, amputação ou ausência de membros e uso de prótese interna ou externa.

Aqueles que já sofreram um AVC ou tem doença neurológica, pode se submeter a uma avaliação médica para conseguir tirar a CNH especial e conseguir comprar um carro adaptado. É importante saber que se você possui algumas das patologias descritas acima e não tiver habilitação especial, está sujeito a multas e perder o direito de dirigir.

Como posso tirar a CNH especial?

Para tirar a CNH especial, você precisa entrar em contato com o Detran para obter o endereço do local mais próximo e:

Ter 18 anos
Levar RG e CPF (original e cópia)
Levar uma foto 3×4 colorida e de fundo branco
Levar um comprovante de residência
Então, os médicos credenciados irão examinar a extensão da deficiência e sua desenvoltura. Com os documentos em ordem, é preciso comparecer a uma das clínicas credenciadas para a realização de exame médico e psicotécnico para deficientes.

Com o exame médico em mãos, compareça a um Centro de Formação de Condutores que seja credenciado ao Detran, para a realização do exame teórico. As aulas práticas devem ser realizadas em uma autoescola ou no próprio CFC, desde que ambos ofereçam veículos adaptados para o seu tipo de deficiência.

Você terá a habilitação com categoria especial ao ser aprovado no exame prático, com regras igualmente para todos os perfis de candidatos.

Como mudar a categoria ao sofrer um acidente e ficar com mobilidade reduzida?

Se você sofreu um acidente e perdeu parte da sua capacidade de mobilidade, deverá trocar a habilitação tradicional pela especial. Para isso, você terá que realizar novos exames médicos e realizar aulas práticas para PCD. Essa obrigatoriedade varia por estado, portanto, busque saber no Detran da sua cidade as regras.

Saiba que a nova CNH virá com uma letra, que varia de A a Z, no campo de observações. Cada uma dessas letras possui um significado, como a letra H que indica a necessidade de conseguir acelerar e frear manualmente.

Outras indicam a necessidade de lentes corretivas, prótese auditiva, empunhadura no volante, adaptação nos comandos de painel e volante, restrições para motociclistas e aposentado por invalidez, entre muitas outras.

No geral, para tirar a CNH especial possui quase as mesmas regras para tirar CNH comum. Porém, as aulas práticas e teóricas são voltadas a atender as necessidades do futuro condutor.

Fonte Mundo do Automóvel 

Todos o direitos reservados para portalinclusao.com.br 2018